Recados
Home / Nossa história

Nossa história

POR vontade de Deus e com disposição para o servir, a 04 de dezembro de 1940, a Congregação das Irmãs Franciscanas da Imaculada Conceição iniciava seus trabalhos educacionais e apostólicos em São Paulo, em uma pequena casa alugada na Avenida Álvaro Ramos, 406 – Água Rasa.

Para começar os trabalhos, vieram as Irmãs Tereza Kunczik e Leocádia Zago que foram recebidas pelo vigário Padre Walter Bonten e pelos paroquianos que aceitavam, com sorrisos, as novas batalhadoras do bairro.

Já em 15 de dezembro, foi inaugurada a Escola Doméstica, com cursos de arte-culinária, bordado e corte e costura. Em 14 de março de 1941, a Secretaria da Educação aprovou o Curso Primário, que começou a funcionar com o 1º e 2º anos. Nesse ano, em 1941, 50 alunos começaram a nossa história.

Com o nome de Externato Nossa Senhora de Lourdes, o primário funcionava, numa casa alugada, à Avenida Regente Feijó, 16.
As primeiras irmãs lutaram muito. Foram vencendo todas as dificuldades contando sempre com a compreensão, o carinho, a amizade do bom povo de Água Rasa.

O número de alunos, sempre crescente, levou as religiosas a adquirirem uma casa, mais ampla, situada à Avenida Álvaro Ramos, 2215 e 2219. O novo Externato foi inaugurado em 04 de novembro de 1942.

Em 1945, a pedido dos moradores do bairro, foram abertas as classes de Jardim da Infância e Pré-escola. Nessa época, o número de alunos já subia para 400. A escola crescia e a Água Rasa também. A Capela do colégio, na Regente Feijó, que funcionava como paróquia, desde 1926, já estava ficando pequena. O número de fiéis era cada vez maior. Era necessária a ampliação da paróquia. Em terreno, à Rua João Soares, foi lançada a pedra fundamental da nova igreja que se transformaria na nova paróquia do bairro no dia de Nossa Senhora de Lourdes, 11 de fevereiro, do ano de 1958.

Em 1951, com a certeza de que a Paróquia seria transferida, as Irmãs começaram, em local contíguo à Igreja, a construção de um novo prédio. As antigas construções pertencentes à Igreja, com suas áreas, passaram, por doação, às Irmãs Franciscanas e a antiga Igreja, voltando à condição de capela, passou a ser usufruto das religiosas por todo tempo em que ali permanecessem.

A construção não foi nada fácil, mas com a fé, com o esforço e com a dedicação de todos, em 1957, os alunos já frequentavam o prédio e, em outubro de 1958, a escola e a casa das Irmãs foram, definitivamente, transferidas para o novo local.

Em 1957, iniciou-se o “Ginásio” e a escola passou a denominar-se “Ginásio Nossa Senhora de Lourdes”.

Em 1961, com a criação do curso Normal – depois chamado de Magistério e, novamente Normal – a escola mudou, mais uma vez o seu nome. Passou a ser “Escola Normal Particular Nossa Senhora de Lourdes”.

Em 1970, com a criação do 2º ciclo, a escola recebeu seu nome definitivo: “Colégio Nossa Senhora de Lourdes”.

Em 1975, foram criados os cursos de Patologia Clínica, Tradutor e Intérprete, Secretariado, Contabilidade e Supletivo de 1º e 2º graus.
Também em 1975, a escola começou a funcionar no período da noite, com quase todos os cursos e com um grande número de alunos. As atividades do período noturno só foram encerradas em 1992.

Em 1997, respondendo aos apelos dos novos tempos, a escola criou o curso de Técnico em Informática.

Agora, em 2016, a escola funciona nos períodos manhã e tarde oferecendo ao bairro da Água Rasa e aos bairros vizinhos os cursos: Educação Infantil, Ensino Fundamental (1º ao 9º Ano), Ensino Médio, Ensino Profissionalizante – nas áreas de Análises Clínicas e Informática, além de manter parcerias com a Fisk – Escola de Inglês, Alphakids – Escola de Esportes, Cia. TeArte – Escola de Teatro do Professor Sérgio Ragazzi e com a DGA – Escola de Dança da Professora Andréia Marques Laurindo Rodrigues dos Santos.

O bloco da Aureliano Lessa, inaugurado em 1957, graças à coragem da Ir. Clara e demais Irmãs da comunidade, abrigou, sozinho, a nossa história até 1970 quando as Irmãs Maristela Vanti e Salésia Vanti entregaram o segundo bloco, com esquina para a Regente Feijó. Duas esquinas já eram nossas uma vez que, em 1964, aconteceu a compra da casa que nos fazia atingir a Rua Pantojo e onde, até 1977, funcionou a Pré-escola.
A determinação das Irmãs Salésia Vanti e Anna Carolina dos Santos sonhou, para aquele espaço, o terceiro bloco que foi erguido em cerca de um ano e começou a funcionar em 1979.

Faltava a quadra… Era o desejo de cada um de nós que por aqui estávamos… Todo aluno esperava por ela. Em 1984, estava pronta e coberta, recebendo as nossas festas, os nossos torneios, os nossos amigos.

Mas, o trabalho desta casa, o espírito de luta da Congregação Franciscana põe, novamente, a Ir. Anna Carolina e toda a comunidade diante do quarto bloco, que veio moderno para enfrentar o século XXI e receber quem quiser chegar e fazer parte desta grande família.
Em 03 de dezembro de 1999, foi inaugurado, oficialmente, o bloco D que abriga o Teatro São Francisco, o parque da Educação Infantil, a terceira quadra de esportes, a Biblioteca e novas salas de aula.

Nos últimos anos, a escola ampliou a Sala dos Mestres, trabalhou na implantação da Rádio Santa Clara e da cozinha experimental, na modernização da quadra e do prédio A, e está investindo em obras para acessibilidade e em recursos pedagógicos através das lousas digitais, do Projeto Lego Education e de novos equipamentos para os laboratórios. Para este ano, a novidade é a plataforma Geekie para os concluintes dos Ensinos Médio e Profissionalizante. Também, há anos, junto com as outras escolas da Congregação, desenvolve o Projeto Eu sou + sempre atrelado à Campanha da Fraternidade com o objetivo de despertar os nossos jovens para que promovam a união e a solidariedade.

E aqui estamos… Agradecendo o passado, festejando o presente e preparando o futuro com a certeza de que neste colégio sempre haverá lugar para a realização de atividades que mostrarão a nossa vontade de trabalhar e vencer.